Compartilhe
0

Pesquisa realizada pela Expedia.com.br identifica expectativas de diferentes gerações

Com isso, empresa disponibiliza serviços de acordo com interesse dos viajantes

 

Brasil, São Paulo – dezembro de 2013 – O estudo ‘Viagem: de geração para geração’ divulgado pela Expedia.com.br baseou-se em entrevistas em mais de 24 países na América do Sul, América do Norte, Europa, Ásia e Oceania para identificar tendências de turismo. A pesquisa, desenvolvida pela Harris Interactive, empresa norte-americana especializada nesse tipo de conteúdo, mostra os hábitos dos viajantes de acordo com as diferenças regionais e faixas etárias. Foram destaques nesse estudo temas relacionados à tecnologia – como dispositivos móveis e salvamento online de dados – além de aspectos comportamentais como programas de fidelidade e a importância de reviews de viajantes. Ao todo, foram ouvidas 8.535 pessoas, sendo 316 brasileiros.

Para conhecer as diferenças de comportamento regionais e geracionais, comparou-se o Brasil com outros países em duas faixas etárias: de 18 a 39 e mais de 40 anos.

“A Expedia.com.br acredita que as experiências de viagem são parte essencial para uma vida com bem-estar. Além disso, essa pesquisa reforça nossa constante busca por conhecer melhor o viajante”, diz Tania Francis, Diretora de Marketing da Expedia.com.br.

 

·         Frequência de viagens.Quando se trata dos viajantes de 18 a 39 anos, o Brasil está em quinto lugar em relação à quantidade de viagens anuais a lazer, com 26% dos entrevistados que dizem sair de sua cidade mais de cinco vezes no período citado. Quem lidera esse ranking é a Tailândia com 44% dos entrevistados que viajam nessa frequência. Índia, Estados Unidos e Reino Unido também têm índices altos com respectivamente 35%, 34% e 29% dos entrevistados que viajam acima de cinco vezes anualmente. 25% dos brasileiros com idade acima de 40 anos têm essa mesma frequência de viagens. Eles estão apenas atrás da Índia que possui índice de 32% e acima da média mundial, 16%.

 

·         Wi-Fi durante o voo. A conexão Wi-Fi durante o voo é mais importante para os brasileiros de 18 a 39 em comparação a qualquer faixa etária dos outros países. 15% dos viajantes acham que esse seria um dos três itens mais importantes para serem levados em conta em uma viagem. Próximo a esse dado há apenas a França com 11% e a Índia, com 10%. Já na Nova Zelândia, esse item não foi relevante para nenhum dos entrevistados. Apesar de Wi-Fi ser relevante para os brasileiros dessa faixa etária, ela não entrou na lista dos três itens mais citados na pesquisa. Os principais foram: preço do quarto (58%) e de voo (42%) e a localização do hotel (43%). Para os brasileiros com mais de 40 anos, os itens principais foram os mesmos, sendo 67%, 47% e 45%, respectivamente.

 

·         Programas de fidelidade. Segundo a ‘Viagem: de geração para geração’, osprogramas de fidelidade têm ótima aceitação entre os brasileiros. 73% dos que têm idade entre 18 e 39 anos consideram os programas de fidelidade relacionados à compra de voos importantes. Para Índia (66%), México (66%), Coreia do Sul (64%) e Malásia (63%) esse tipo de programa também tem uma boa aceitação nessa mesma faixa etária. Já para 79% dos italianos entrevistados, esse benefício não é importante. Para os brasileiros acima de 40 anos, a média é bem próxima, 74% ante 37% mundialmente. Na faixa etária de 18 a 39 a média mundial é de 50%.

 

Em relação a programas de fidelidade relacionados à compra de diárias de hotel, os brasileiros de 18 a 39 anos continuam acima da média global com 76% que consideramesse recurso importante ante 56% da média global com a mesma opinião. Suecos e japoneses, no entanto, estão abaixo da média global com 26% apenas que consideram esses programas importantes. Já na faixa etária acima de 40 anos, 73% dos brasileiros consideram importantes esses programas, mais que o dobro da média mundial (35%) entre os viajantes dessa idade.

 

·         Salvamento online de dados pessoais. Simplicidade e agilidade no momento de aquisição de viagens pela internet preocupam mais os brasileiros do que a média dos viajantes de outros países. Entre os entrevistados de 18 a 39 anos, apenas 15% não salva online nenhum dado com esse propósito. Já na faixa etária acima de 40, esse número sobe para 23%, mas ainda está abaixo da média global geral de 33%. Os países asiáticos como Coreia do Sul e Malásia são os que possuem os índices mais altos de salvamento online.

 

Os viajantes de países como Alemanha, Espanha e Dinamarca com idades entre 18 e 39 anos são os que menos salvam dados online com 43%, 44% e 49% respectivamente. Isso denota que a desconfiança com a segurança dos dados ainda é maior nos países europeus do que em países latinos como o Brasil ou asiáticos como a Coreia do Sul.

 

·         Uso de dispositivos móveis. Os jovens utilizam mais o smartphone e o tablet. No geral, os asiáticos se destacam. Na Coréia do Sul, por exemplo, apenas 1% dos entrevistados de 18 a 39 anos não utiliza nem tablet, nem smartphone. A média mundial é de 15% e a brasileira fica bem próxima disso com 16%. Já o país menos conectado via dispositivos móveis é a Nova Zelândia com 28%. A Coréia do Sul também surpreende por ter 78% dos viajantes utilizando smartphones. No Brasil, são apenas 48% dos entrevistados que se encaixam nesse perfil.

 

Ainda menos conectados, estão os viajantes da faixa etária de mais de 40 anos. 34% dos entrevistados da pesquisa afirmam não utilizam os dispositivos móveis.

Tania Francis enfatiza que o Expedia Hotels & Flight App ajuda os viajantes a criar sua viagem à sua maneira dando a eles todo o controle e a facilidade de uso necessários. “Esse é um benefício extremamente relevante e mostra que a Expedia.com.br está liderando a nova maneira de as pessoas planejarem e realizarem suas viagens. Liberdade a qualquer momento e em qualquer lugar”, diz a executiva.

·         Opinião dos viajantes. Segundo os dados obtidos com a pesquisa, a opinião dos outros viajantes no momento do planejamento das férias é extremamente relevante para os entrevistados de todas as idades. No caso dos brasileiros, 87% dos entrevistados levam as avaliações em consideração quando decidem suas viagens. Entre todos os entrevistados, a média é de 79%. O único país que destoa desse dado é a Dinamarca, pois para mais da metade dos dinamarqueses os reviews não são importantes.

 

As perguntas seguintes foram relacionadas ao que esses viajantes postaram na internet em relação a algum estabelecimento ou serviço. Nesse aspecto as diferenças de gerações são mais aparentes. Na média mundial dos mais novos, 56% dos entrevistados não postaram nenhuma reclamação e 44% não postaram nenhum elogio. Já para os com mais de 40, o número dos que não reclamaram sobre para 79%, ou seja, ainda é pequeno o número de pessoas que reclamam quando um serviço não sai como eles queriam, ou talvez, os serviços atendam suas expectativas. Ainda sim, 66% deles não postaram um elogio, o que levanta o questionamento se eles realmente não postam por falta de hábito ou pela comprovada qualidade de serviços.

 

No Brasil, as pessoas reclamam e elogiam mais na internet. 51% dos brasileiros com mais de 40 anos não postaram uma reclamação por serviços relacionados à viagem. Esse valor cai para 35% quando questionado aos viajantes com até 39 anos. Quanto aos elogios, 52% dos brasileiros com mais de 40 anos também não postaram nada. E apenas 31% dos brasileiros com menos de 40 não postaram nada.

 

Para os mais jovens, os itens campeões de reclamações são os hotéis (24%), restaurantes (22%) e voos (16%), na média mundial. Por serem os itens relacionados à viagem mais marcantes, também são esses os três itens que mais receberam elogios. 37% fizeram elogios a hotéis; 34% a restaurantes e 22% fizeram elogios a voos ou companhias aéreas. Para os que têm mais de 40: Hotel, restaurantes e voos também são os campeões de reclamação e elogios. Outros itens disponíveis na pesquisa eram transporte público, aluguel de veículos e táxis.

 

·         Descanso ou trabalho? Nesse item, o quesito regional impacta mais que a idade. Mais da metade dos brasileiros (57%) acessa constantemente o email ou a caixa postal corporativa mesmo durante uma viagem a lazer. Já na média dos outros países, esse número fica em apenas 42%.

 

Quando o recorte por faixas etárias é feito, a situação mantém-se equilibrada com os dados gerais. Uma curiosidade está entre os dinamarqueses, alemães e espanhóis de 18 a 39 anos, pois, nesse caso, o número de entrevistados que se desconectam do trabalho sobe para 82%, 77% e 75% respectivamente.

 

O resultado da pesquisa mostrou que, atualmente, o viajante busca mobilidade, facilidade e também confiança na empresa escolhida. A Expedia.com.br, site local da empresa líder mundial em viagens online, oferece mais de 220.000 hotéis e mais de 300 companhias aéreas em todo o mundo, bem como pacotes atrativos para os viajantes escolham sua viagem da maneira que desejam. A empresa ainda o acompanha durante todo o trajeto pelo aplicativo Expedia® Hotels & Flights App e também disponibiliza serviço de atendimento diariamente das 7h30 à 1h30, horário brasileiro.

 

Metodologia

A pesquisa foi feita com 8.535 pessoas na América do Sul, na América do Norte, Europa e Ásia. O critério de classificação para pesquisa foi maiores de 18 anos, empregados em tempo integral, tempo parcial ou trabalhadores por conta própria. Participaram desse estudo 316 brasileiros.

 

A pesquisa teve como objetivo mensurar o impacto das novas tecnologias nos hábitos de turismo em diferentes gerações. Assim, pode-se entender a evolução do comportamento do viajante e antecipar tendências.

 

 

Sobre a Expedia.com.br

Expedia.com.br permite que o brasileiro crie ‘sua viagem da sua maneira’ ao oferecer muitas opções e última tecnologia em pacotes de viagenspassagens aéreas,hotéis, locação de carros, reservas de atividades para viagens em todo o mundo todo. A Expedia.com.br oferece suporte telefônico gratuito nos sete dias da semana no número 0800-761-0770.

Expedia é uma marca registrada de Expedia Inc. nos Estados Unidos, Brasil e outros países. Seus logos e produtos, bem como o nome da companhia, mencionados nesse documento são de propriedade de seus respectivos donos. © 2013 Expedia, Inc. Todos os direitos reservados.

 

Informações para a imprensa

In Press Porter Novelli

Mariana Bortoletti – mariana.bortoletti@inpresspni.com.br– (11) 3330-3776

Joana Santos – joana.santos@inpressni.com.br– (11) 3323-1612/ (11)99432-1569

Compartilhe
0
Expedia Brasil

Expedia Brasil

Bem-vindos ao site Viajando com a Expedia - Aqui, você encontrará todas as dicas e conselhos de viagem da nossa rede de especialistas do mundo todo, além das novidades sobre as novas tendências de viagem e as ùltimas notìcias sobre os problemas enfrentados pela indùstria do turismo. Viajando com a Expedia traz também milhares de informaçöes e recursos para que você possa desfrutar ao máximo de sua próxima viagem. Aproveite e explore o que a Expedia tem a oferecer!.
Expedia Brasil

Últimos posts por Expedia Brasil (veja todos)