Melhores destinos do Brasil em 2018

Se o verbo viajar estiver incluído nas suas intenções para 2018, reservamos destinos incríveis no Brasil para você colocar sua lista em ação

O Brasil oferece uma gama de atrações em qualquer época do ano e para qualquer ocasião. Diga-se de passagem, muitos turistas acabam voltando ao mesmo destino para conhecer cenários diferentes e participar de atividades alternativas.

Aproveitamos para reiterar também a nossa seleção de 2017 de lugares mágicos, caso a listinha do ano passado tenha ficado guardada na gaveta. Olha só quanto coisa bacana:

Veja os melhores destinos para visitar no Brasil em 2018

1. Tamandaré, Pernambuco

Não é apenas por já ter sido classificada como a segunda praia mais bela da América do Sul ou uma das mais lindas do mundo, que Tamandaré merece uma visita. O refúgio no litoral do estado pernambucano é a essência do sossego, combinado com as paisagens incríveis dos recifes de corais que oferecem o passatempo predileto da região: mergulhar.

2. Caldas Novas, Goiás

Ainda que concorrida por suas águas termais onde a maioria dos turistas vão em busca da excelente estrutura dos hotéis e da diversão dos parques aquáticos, dar uma fugida do roteiro tradicional não é uma má ideia. As trilhas e atrações do Parque Estadual da Serra de Caldas e um passeio no Casarão dos Gonzaga para explorar o artesanato de produtores locais, também devem entrar na programação.

3. Foz do Iguaçu, Paraná

cachoeira em Foz do Iguaçu

Cataratas com a vista do lado brasileiro. Foto: Carrie Costa

Qualquer roteiro para desbravar o Parque Nacional do Iguaçu e reverenciar a imensidão da natureza através das imponentes Cataratas é imperdível! Melhor ainda é poder abusar do privilégio de desbravar os outros dois países que fazem fronteira com o Brasil. Enquanto a Cidade do Leste, no Paraguai, é um paraíso para as compras; Porto Iguazú, no lado argentino, é perfeito para um magnífico jantar.

 4. Fortaleza, Ceará

passeio de jangada

jangada

Que tal conhecer a magia das falésias coloridas, a marca registrada do Ceará?. A vivacidade das paisagens podem ser complementadas com uma degustação de delícias típicas do nordeste. As famosas lagostas são abundantes na praia de Curuípe, enquanto os bairros de Varjota e Aldeota são os absolutos nos pratos do sertão: carne de sol e baião de dois. Inclusive, oferecem boas opções de pousadinhas se estiver procurando onde ficar em Fortaleza longe do burburinho.

 5. Canoa Quebrada – Aracati, Ceará

Duna ao fundo

Praia de Ponta Grossa

Um dos destinos mais cobiçados do Ceará guarda relíquias do período colonial ostentadas através de seus casarões, igrejas e sobradinhos. Depois de um passeio encantador pelo seu rico patrimônio, não vá embora sem conhecer a praia de Majorlândia e garantir a sua garrafinha de areia colorida. Ah, e se estiver afim de agito de verdade, Aracati também é conhecida como o melhor carnaval do estado.

 6. Brotas, São Paulo 

Embora localizada bem no coração de uma das regiões mais desenvolvidas do Brasil, a cidade apresenta uma natureza super preservada que a coloca na lista dos principais destinos de ecoturismo e turismo rural do país. Para mergulhar de cabeça nesse clima caipira, dê uma olhada na programação do Festival Gastronômico que acontece em agosto – a diversão é garantida!

 7. Alcântara, Maranhão

antiga arquitetura

Ruínas da Igreja da Matriz

Falando em diversão, as celebrações agitam os becos e ruas durante os meses de maio e agosto da pequenina e charmosa cidade da Região Metropolitana de São Luís: as festas do Divino e do Tambor-de-Crioula são um fenômeno. Por outro lado, tem ainda a tranquilidade da deserta Ilha do Livramento e os tradicionais doces de espécie para se lambuzar.

 8. Coruripe, Alagoas

Farol

Pontal do Coruripe

A rusticidade da vila é marcada pela calmaria das areias e do mar contornados por um imenso coqueiral. Sossego é a palavra chave do povoado escondido no extremo sul alagoano que se impõe com o deslumbre de seus recifes. Não tem como voltar de mãos vazias depois de conhecer os artesanatos fascinantes de palha de ouricuri – no Pontal de Coruripe; e de palha de taboa, produzidos no povoado vizinho de Feliz Deserto.

 9. Urubici, Santa Catarina

principal cachoeira em Urubici

Cachoeira do Avencal

Tudo por aqui já é interessante o suficiente para quem quer descobrir as belezas entre incríveis montanhas, cachoeiras e cavernas. No entanto, o frio se torna um elemento ainda mais cativante de um dos destinos mais disputados da serra catarinense – a neve pode ser sua companheira de viagem entre os meses de junho e agosto. Nos dias de temperatura mais agradável, as cavalgadas e as atividades das cachoeiras do Avencal e do Véu da Noiva não devem ficar de fora do roteiro.

 10. Pirenópolis, Goiás

cavalhada

3 reis, parte do folclore

No meio de suas pacatas ladeiras, ruas de pedras e dos encantos de suas reservas ecológicas e atrações imperdíveis da famosa Serra dos Pirineus, a cidade se transforma durante a Festa do Divino – uma das manifestações folclóricas mais bonitas do Brasil. A festança começa há exatos 50 dias depois da Páscoa e dura cerca de duas semanas.

 11. Pomerode, Santa Catarina

arquitetura tradicional

Decoração de uma loja de brinquedo – Foto por: Marinelson Almeida

Intitulada a cidade “mais alemã do Brasil”, a simpática Pomerode dá um tom ainda mais especial para as belezas do Vale do Itajaí. É claro que a cerveja e o chucrute fazem parte de qualquer programa na região mas, para entrar de vez na dança, a Festa Pomerana que acontece todos os anos em janeiro é a pedida certa.

 12. Maraú – Barra Grande, Bahia

barreira de recifes

Visão aérea de Maráu

As tranquilas ruas de terra da vila de Barra Grande concentram a maior parte do comércio e das charmosas pousadas da península de Maraú. Apesar de ser uma boa ideia esquecer da hora por lá, vale ficar atento à duas coisas: na tábua das marés – para curtir a incrível piscina natural de Taipu que se forma na maré baixa; e no relógio – para não perder a hora do pôr do sol de qualquer ponto da praia de Barra Grande.

 13. Ilha Grande, Rio de Janeiro 

tradicional vilarejo de pescadores

Igreja ao lado do centro comercial da Ilha

Cercada de maravilhas por todos os lados, a maior ilha da baía de Angra dos Reis dá um show de surpresas com a abundância da natureza entre suas mais de 100 praias. Sem dúvida o mergulho, as trilhas e os passeios de barco ficam entre as atrações mais cobiçadas por lá. Destaque para a Lagoa Azul, praia de Lopes Mendes e o Saco do Céu.

 14. Búzios, Rio de Janeiro

A antiga vila de pescadores mantém suas raízes rudimentares contrastando com toques modernos dos seus inúmeros restaurantes e bares descolados, além de um comércio refinado. Disputada o ano todo, no verão as praias, pousadas e hotéis em Búzios lotam; em novembro os fãs de arte e cultura vão atrás do Búzios Cine Festival com exibições de filmes; e no inverno acontece o delicioso Festival Gastronômico – sempre no mês de julho.

 15. Fernando de Noronha, Pernambuco

Quem não quer conhecer o paraíso na terra? Para os surfistas, a temporada perfeita é de dezembro a fevereiro. Para explorar o fundo do mar como um rei, a época entre agosto e novembro é ideal pois as águas se transformam literalmente em uma piscina natural. Entre abril e julho acontece a soltura das tartarugas do Projeto Tamar e, por junho ser um mês que geralmente chove, os preços normalmente baixam. Ou seja, sem desculpas para conhecer um dos lugares mais lindos do planeta.

E aí gostou da nossa lista? Que cidade você adicionaria nessa lista?

 

Anterior Cidades mais estruturadas para o turismo corporativo
Próximo 10 atividades para fazer em Noronha

3 Comments

Deixe um comentário

Simple Share Buttons