Londres: roteiro pelos cenários do novo filme do James Bond

Esse mês estreou nas telonas dos cinemas brasileiros o mais recente filme da franquia 007. O filme traz a volta do icônico personagem James Bond, dessa vez atuando contra Spectre. O vigésimo quarto filme da série narra mais uma aventura do agente secreto fictício do serviço de espionagem britânico MI-6 e, por todos os lugares por onde ele passa, cada cenário é lindo e fica impossível separar sua trajetória de roteiros de viagem.

Embora essa nova história traga destinos diferentes, como cidades no Marrocos, Roma, Áustria e Cidade do México, Londres e o Reino Unido não poderiam ficar de fora, afinal Bond tem uma ligação muito forte com a capital britânica, por isso a cidade é quase sempre um elemento essencial em suas aventuras, praticamente um personagem importante da trama e você precisa conferir.

Cenário de filme: Londres une marcos da arquitetura, luzes e muitos cenários inesquecíveis

Cenário de filme: Londres une marcos da arquitetura, luzes e muitos cenários inesquecíveis

Se você é fã dessa saga e tem uma viagem marcada para Londres, esse roteiro traz algumas dicas dos principais pontos de locação do filme do 007 contra Spectre. É hora de colocar a música tema da trilha sonora Writing’s On The Wall, do britânico Sam Smith, para tocar e sair imaginando cada cena de perseguição e aventura.

Alguns dos símbolos clássicos de Londres não poderiam ficar de fora, é claro. A ponte de Westminster e toda região do Parlamento, incluindo o Big Ben e o London Eye, foram alguns dos elementos fundamentais dessa nova trama.

Tower bridge: linda e seus arredores garantem um passeio memorável

Tower bridge: linda e seus arredores garantem um passeio memorável

Você consegue conhecer esses pontos praticamente em meio período, para tanto, comece pelo Big Ben, o sino do relógio mais conhecido do mundo, anexo ao parlamento britânico, que por si só é outra joia da construção histórica de Londres. Depois é hora de cruzar a ponte de Westminster, construída em 1962 e considerada a mais antiga da cidade.

Logo você topará com a London Eye, inaugurada em 2000 e considerada, por alguns anos, a maior roda gigante do mundo até perder o título para Singapura e Las Vegas. Ela tem 135 metros de altura e uma volta completa dura cerca de 30 minutos de pura contemplação. Também é uma ótima maneira de se habituar com a geografia local e curtir a vista do alto para o Parlamento e o Big Ben (o ingresso mais barato custa 19,35 libras, sem o passe fura-fila).

London Eye, um passeio para vista nenhuma botar defeito

London Eye, um passeio para vista nenhuma botar defeito

O Rio Tâmisa e o City hall também apareceram para as câmeras do cinema. O primeiro, numa cena onde James pilota um pequeno barco em alta velocidade, e como na vida real isso ainda não é permitido, você pode fazer um cruzeiro navegando pelo rio e apreciando a beleza da região. Existem vários passeios diferentes que custam a partir de 9,75 libras.

O segundo ponto é o City hall, novo endereço oficial da prefeitura e da assembleia de Londres, fica em Southwark, às margens do rio Tâmisa e próximo à Tower Bridge. O prédio, com suas linhas arredondadas, dá um toque mais contemporâneo à área. Essa área é repleta de bons restaurantes e lojas diferentes, mas o edifício não é aberto à visitação geral do público. Dali, minha dica é estender seu roteiro até chegar no Borough Market, um dos mercados gourmets mais bacanas da cidade. Veja também o que já contamos sobre Londres aqui.

O filme também passou por Covent Garden, um bairro super interessante de Londres repleto de pubs, restaurantes e lojas diferentes, cuja vida cultural é muito forte e cheia de surpresas. Um dos seus principais símbolos é a Royal Opera House e a escola de ballet britânica Royal Ballet. Além disso, lá também fica um dos mercados mais legais da cidade, chamado de Covent Garden.

O Big ben, apenas o relógio mais famoso e pontual do mundo

O Big ben, apenas o relógio mais famoso e pontual do mundo

A Trafalgar Square termina esse roteiro mostrando um dos cartões postais mais bonitos de Londres. Em frente à National Gallery – considerada um dos melhores museus da Europa – a praça é o ponto de encontro diário de turistas e moradores que caminham sempre apressados por entre seus monumentos históricos.

Quer incluir na sua viagem para um programa inusitado?

Uma coisa não dá para negar: James Bond alimenta uma relação muito especial com os carros Aston Martin. Nesse novo filme, ele aparece dirigindo um elegante DB10. Pensando nisso, a marca de luxo criou um tour chamado Aston Martin Dynamic Driving Experience. Você pode cair nas belas estradas do Reino Unido pilotando algumas das máquinas mais exclusivas do mundo, dignas de agentes secretos.

As experiências na direção ocorrem na matriz da Aston Martin, em Gaydon, Warwickshire, que fica a menos de duas horas de carro de Londres. O valor dessa brincadeira toda? Infelizmente não foi divulgado, mas você pode encontrar detalhes no site da fabricante.

A produção do filme se propõe a trazer diferentes perspectivas e não apenas da parte histórica, como também cenários mais modernos e contemporâneos da capital britânica. E não é que eles atingiram esse objetivo com perfeição? O filme é um convite para sair do cinema e correr para comprar uma passagem para Londres.

Natalie Soares
Siga-me no

Natalie Soares

Autora chez Viajando - Expedia Brasil
Pós-graduada em Mídias Sociais pela FAAP, é autora do blog de viagem e tecnologia Sundaycooks e fundadora da ABBV (Associação Brasileira de Blogs de Viagem). Atualmente trabalha como editora de conteúdo online e vive fazendo planos para a próxima viagem.
Natalie Soares
Siga-me no

Últimos posts por Natalie Soares (veja todos)