Compartilhe
0

É verão em San Diego!

 

Se você, assim como eu, não é muito fã do inverno, aproveite a estação para viajar para o hemisfério norte. Que tal a Califórnia? Ah, a Califórnia…

San Diego é a segunda cidade mais populosa do estado e recebe cerca de 16 milhões de turistas por ano. Cidade grande, com muita natureza (é conhecida como eco friendly), cheia de história (possui cerca de 90 museus) e muita diversão. Lá, não é permitido consumir bebidas alcoólicas nas ruas nem fumar em lugares públicos (e isso inclua praias e parques) e a multa pode chegar a US$ 1.000, inclusive para turistas.

Assim como em Los Angeles (expliquei aqui), tudo em San Diego é longe, portanto, um carro é indispensável. Você pode reservar o seu aluguel de carro em San Diego aqui na Expedia.

San Diego é uma cidade super segura e você pode andar tranquilamente pelas ruas, até durante a noite. Só fique mais atento na Mission Bay, que é onde há a maior concentração de registros de furtos. Por ser a região mais barata da orla e próxima ao SeaWorld, acabei me hospedando por lá – e foi bem satisfatório. Há muitos restaurantes, pubs e mercados por ali. Se você não quiser economizar, prefira outros bairros como Coronado Island, por exemplo, um dos mais chiques de lá. Coronado é uma ilha, ligada a San Diego pela famosa Coronado Bridge, um dos cartões postais da Califórnia.

Na ilha, você encontrará parques, onde as pessoas praticam esportes, uma praia de areia branquinha (a mais bonita que eu vi na cidade), ótimos restaurantes e o tradicional Hotel del Coronado, um imponente hotel de 125 anos, com arquitetura e localização à beira mar incomparáveis, além de uma Sala de Vinho com uma seleção de mais de 500 rótulos e 50 tipos de queijo. Você não precisa se hospedar neste hotel para conhecê-lo.

Em Downtown, os preços são mais baixos do que na orla, e a região é próxima de vários restaurantes, bares e pontos turísticos importantes, como o Balboa Park. No centro, você verá prédios que parecem cenário de seriado americano e poderá comer um hot dog enorme em uma esquina qualquer enquanto visita as lojas de discos ou eletrônicos que há por ali. O Gaslamp Quarter (quarteirão com iluminação a gás), no coração de Downtown, é o centro histórico da Califórnia. O difícil nele é escolher onde comer, afinal, são dezenas de restaurantes incríveis. Uma boa opção é fazer o tour de restaurantes como o San Diego Food Tours, no qual um guia levará você a alguns deles para provar as especialidades de cada um. E não fique no fast food só porque você está nos Estados Unidos! San Diego possui uma enorme variedade de pratos com frutos do mar, como o britânico Fish n’Chips, Camarão com Coco etc.

A 20 quilômetros do centro, está a praia de La Jolla, uma das mais bonitas da Califórnia. Composta por falésias e rochedos, ela abriga uma fauna bem abundante e tem um clima todo familiar. Em minha visita, consegui ver diversos leões marinhos nadando por ali. La Jolla se destaca das outras praias de San Diego por ser frequentada pelo pessoal mais endinheirado de lá. Você encontrará lojas da Ferrari, boutiques de grife e galerias de arte. Vale a pena fazer uma visita mesmo que não queira gastar horrores, porque o visual, principalmente do La Jolla Coast Walk (uma trilha pela costa), é incrível.   

Outro lugar imperdível de San Diego é o Balboa Park. Ninguém tinha me avisado que havia tanta coisa pra ver ali e eu acabei deixando o parque para o último dia – o que não permitiu que eu visitasse tudo com calma. O parque possui 19 jardins (entre eles, o maior jardim japonês do mundo) e 17 museus, o Balboa Park é um lugar para relaxar e ter contato com a natureza; há uma parte cheia de museus e espaços de arte e cultura, outra com igrejas, restaurantes e espaços enormes onde as pessoas se casam e dão festas. Enfim, o Balboa Park é tudo num único lugar. Ah! E é comum ver gente se casando por ali, nos jardins e nos restaurantes do parque. Reserve mais de um dia para conhecer tudo. É realmente uma delícia!

Parte do Balboa Park é o San Diego Zoo, o zoológico mais famoso do mundo. Se quiser ver os pandas, coalas e ursos polares com calma, deixe um dia todo reservado para isso, até porque há dois tipos de tour – o zoológico tradicional e o San Diego Zoo Safari (que acabei nem fazendo por falta de tempo). O San Diego Zoo também tem um diferencial que é típico dos Estados Unidos: assim como na Disney ou no SeaWorld, cada "área" tem uma loja. Você sai do caminho dos pandas e já cai numa lojona cheia de coisinhas de panda.  

Outro parque indispensável no seu roteiro é o SeaWorld San Diego (falei bastante sobre o SeaWorld de Orlando aqui, que é igual ao de San Diego). Foi lá que eu tive uma das experiências mais maravilhosas da minha vida: nadei com um golfinho e até dei um beijo na boca dele. O show das baleias é o mais emocionante (mas prepare-se para sair encharcado de lá) – não perca por nada! Quando fui, parei o carro no estacionamento que custava US$ 14 por dia, e, depois de ser revistada (praxe em todos os parques), entrei com meu Southern California CityPass, que dava direito a entrada no SeaWorld, no San Diego Zoo, na Disney, em Ananheim, e no Universal Studios em Los Angeles. Tudo por um preço só. O CityPass sai muito mais em conta do que se você comprar os ingressos individualmente. Fiz o pedido do Southern California CityPass pelo próprio site do SeaWorld, imprimi o comprovante e o mostrei na bilheteria. Lá, eles me entregaram o cartão, com meu nome e data de validade. Você pode retirar o seu card em qualquer uma das atrações a que ele dá direito, na hora.

Antes de chegar ao SeaWorld, dê uma conferida no horário de funcionamento do parque, porque varia conforme a estação do ano. Na entrada, pegue o mapa e os horários dos shows para não perder nada. É de graça. Você também pode se programar antes, acessando o site oficial.

No fim da tarde, corra ver o pôr do sol em alguma praia. O sol, na costa oeste, se põe no mar, e não há nada mais lindo que se despedir do dia vendo-o mergulhar. Uma dica: vá até o final da Mission Bay, onde fica o Shelter Island Pier, lotado de pescadores. É uma experiência. 🙂

À noite, curta algum pub próximo à orla ou volte para o Gaslamp Quarter, que é o grande centro de entretenimento da cidade, com 30 bares e boates, todos muito próximos.

Veja aqui passagens aéreas e hotéis em San Diego.

Boa viagem!

Beijos,

Luciana Sabbag

Compartilhe
0
Expedia Brasil

Expedia Brasil

Bem-vindos ao site Viajando com a Expedia - Aqui, você encontrará todas as dicas e conselhos de viagem da nossa rede de especialistas do mundo todo, além das novidades sobre as novas tendências de viagem e as ùltimas notìcias sobre os problemas enfrentados pela indùstria do turismo. Viajando com a Expedia traz também milhares de informaçöes e recursos para que você possa desfrutar ao máximo de sua próxima viagem. Aproveite e explore o que a Expedia tem a oferecer!.
Expedia Brasil