Dia dos pais: destinos para viajar com o seu

O dia dos pais está chegando e ainda dá tempo de você surpreender seu pai com um presente diferente. Já pensou em dar uma viagem para ele? É uma ótima maneira de passar bons momentos ao lado dessa figura querida e ainda comemorar a data de uma forma original, em família. Se você não sabe onde ir com seu pai, reunimos aqui algumas ótimas sugestões de roteiros. Se você acha que está muito em cima da hora, vale sempre a pena dar uma olhada nas promoções de viagens de última hora da Expedia. 🙂

Pantanal

Que tal passar um fim de semana pescando com seu pai no Pantanal? Corumbá, no Mato Grosso do Sul, é um dos melhores destinos de pesca do Brasil. A estrutura já está toda pronta: as pousadas à beira do rio Paraguai já preparam sua carteirinha de pescador, as iscas, as varas, os anzóis e todo material necessário para passar o dia todo navegando e curtindo as paisagens que são cenográficas.

Uma viagem de pescaria ao Pantanal é uma bela chance de criar lembranças inesquecíveis de pai e filho (Crédito da foto: Natalie Soares)

Uma viagem de pescaria ao Pantanal é uma bela chance de criar lembranças inesquecíveis de pai e filho (Crédito da foto: Natalie Soares)

Além de pegar uns peixinhos, você pode complementar sua viagem com um passeio pelo Forte Coimbra, na fronteira entre Brasil, Paraguai e Bolívia. O local, que já foi bombardeado por espanhóis e invadido durante a guerra do Paraguai, hoje abriga um pequeno vilarejo de civis e militares.

Um passeio por Corumbá não estará completo sem uma visita ao centro histórico, que já é tombado como patrimônio brasileiro. O Porto Geral e seus casarios são lugares perfeitos para caminhar e ver o pôr do sol.

Termine seu roteiro cruzando a Estrada Parque, um dos grandes símbolos do Pantanal. São 120 quilômetros de estrada de terra que ligam Lampião Aceso, em Corumbá, até o Buraco das Piranhas – temos um post especial sobre viagens para fazer de carro que fala mais sobre esse passeio.

Dúvida sobre onde comer em Corumbá? Prove o self-service Laço do Ouro, o Rodeio, os petiscos da Marina Gelson ou o cardápio pantaneiro-internacional do Avalom Grill. O pastel da Dona Jo na feira no domingo de manhã é imperdível.

Ushuaia

Essa é uma ótima época para o auge da temporada de neve na região da Patagônia. Mesmo que seu pai não faça o estilo mais atlético, uma viagem para Ushuaia rende diversas atividades abaixo de zero e aprender a esquiar é só uma delas.

Você e seu pai não precisam aprender a esquiar para curtir a neve em Ushuaia (Crédito da foto: Natalie Soares)

Você e seu pai não precisam aprender a esquiar para curtir a neve em Ushuaia (Crédito da foto: Natalie Soares)

O Cerro Castor, a estação de esqui de Ushuaia, é reconhecido internacionalmente pela qualidade da sua infraestrutura e por ser o lugar ideal para quem quer aprender a esquiar e praticar snowboard. A estação vai sediar importantes eventos esportivos ao longo dessa temporada.

Os centros invernais que ficam na região também oferecem inúmeras atividades, como passeios de trenós, moto de neve, roteiros em 4×4, jantares na floresta patagônica e até trilha no Glaciar Martial.

A natureza exuberante da Patagônia é capaz de derreter o coração até dos pais mais durões (Crédito da foto: Natalie Soares)

A natureza exuberante da Patagônia é capaz de derreter o coração até dos pais mais durões (Crédito da foto: Natalie Soares)

Conhecida como parte da Terra do Fogo e por ser a cidade mais austral do nosso continente, em Ushuaia é possível aproveitar o passeio no Trem do Fim do Mundo ou fazer uma navegação pelo Canal de Beagle e observar a fauna local, como os pinguins e leões marinhos.

A Avenida San Martín é onde tudo acontece: lá, você vai encontrar uma boa variedade de lojas, casas de câmbio, restaurantes e bares. É o endereço ideal para comprar chocolates, vinhos, cervejas e, quem sabe, até roupas de frio.

No quesito onde comer em Ushuaia, acho que seu pai vai gostar do típico cordeiro patagônico feito no Bodegón Fueguino. A Dody também é um lugar bem conhecido na San Martín para quem quer comer churros com doce de leite. Termine seu roteiro pela região visitando a Ramos Generales – El Almacén, um misto de restaurante, bar, adega, padaria e museu. Bem curioso, eu diria.

Chapada Diamantina

Mais de 1.500 quilômetros quadrados fazem da Chapada Diamantina um dos destinos mais famosos e apaixonantes do ecoturismo no Brasil. São grutas enormes, cânions gigantescos e cachoeiras incrivelmente altas. Não é passeio para um fim de semana; se sua viagem durar dez dias na Chapada, garanto que é possível encontrar passeios diferentes para completar toda a sua programação.

Seu pai é aventureiro? Então ele vai adorar conhecer as cachoeiras da Chapada, como a da Fumacinha

Seu pai é aventureiro? Então ele vai adorar conhecer as cachoeiras da Chapada, como a da Fumacinha

Ao longo do caminho, você vai encontrar algumas cidadezinhas onde poderá contratar os principais passeios pela Chapada e ainda encontrar um bom hotel para descansar os pés das trilhas.

Lençóis é a mais conhecida delas, muitas vezes chamada de a “capital da Chapada”. Ela é a base para visitar outros pontos da região. Vale passar também pela mística Vale do Capão, se banhar nas cachoeiras de Ibicoara e Itaetê e conhecer a simpática Igatu. Ah, não volte antes de fazer uma trilha pelo lendário Vale do Paty.

Por entre as diversas trilhas, você e seu pai vão encontrar paisagens paradisíacas como essa

Por entre as diversas trilhas, você e seu pai vão encontrar paisagens paradisíacas como essa

Ao planejar sua viagem pela Chapada, tenha em mente alguns detalhes importantes: é fundamental contratar um guia para a maioria dos passeios, afinal, ele conhece todos os caminhos e você não. A bota de trekking é outro item indispensável, assim como boné, repelente e protetor solar. Cartão de crédito ainda é um problema por conta do sinal precário das antenas de celular que fazem com que as máquinas quase não funcionem muito bem, por isso é importante levar dinheiro vivo.

Para resolver a logística e o transporte de um ponto a outro, alugar um carro em Salvador ainda é a melhor solução.

Buenos Aires

Pode ser o destino mais clichê desta lista, mas viajar para Buenos Aires é sempre uma boa pedida para quem tem pouco tempo disponível para tirar uns dias de férias. Já pensou em montar um roteiro temático com os assuntos que você e seu pai mais gostam? Ou explorar outros cantos da cidade? Tenho algumas sugestões.

Ir a Buenos Aires nunca é demais; sempre vale tirar um tempinho para dar uma volta em Puerto Madero (Crédito da foto: Natalie Soares)

Ir a Buenos Aires nunca é demais; sempre vale tirar um tempinho para dar uma volta em Puerto Madero (Crédito da foto: Natalie Soares)

O blog Aires Buenos lançou dois tours bem diferentes que querem mostrar a capital argentina de uma maneira nova e original. O Tour Lado B mostra os pontos turísticos menos óbvios da cidade; já o Tour Buenas Noches leva o visitante para passear pela cidade em cartões postais sob um outro ponto de vista.

Seu pai gosta de futebol? Visitar os estádios La Bombonera, do Boca Juniors, e o Monumental de Nuñez, do River Plate, é uma ótima maneira de sempre reviver aquela rivalidade divertida entre o futebol brasileiro (que, cá entre nós, não anda tão bom das pernas assim) e o argentino. Os dois estádios ficam abertos à visitação e ainda guardam recordações importantes das trajetórias dos dois times. Para assistir a uma partida de Boca ou River, fique atento ao calendário oficial no site dos dois times; os ingressos costumam se esgotar rapidamente.

O tranquilo bairro de Palermo, cheio de lojas e restaurantes incríveis, também é uma ótima pedida (Crédito da foto: Natalie Soares)

O tranquilo bairro de Palermo, cheio de lojas e restaurantes incríveis, também é uma ótima pedida (Crédito da foto: Natalie Soares)

Para terminar esse tour por Buenos Aires, faça uma competição divertida em família para descobrir qual é o melhor restaurante de churrasco argentino da capital. Acho que vocês não teriam problemas em fazer o gostoso sacrifício de conhecer vários restaurantes, provar diferentes cortes de carnes e degustar muitos vinhos argentinos e cervejas locais, não é? Aceita uma sugestão? Comece provando as parrillas no Don Ernesto e no Gran Parrilla del Plata, ambos em San Telmo, e no La Cabrera, em Palermo.

 

Natalie Soares
Siga-me no

Natalie Soares

Autora chez Viajando - Expedia Brasil
Pós-graduada em Mídias Sociais pela FAAP, é autora do blog de viagem e tecnologia Sundaycooks e fundadora da ABBV (Associação Brasileira de Blogs de Viagem). Atualmente trabalha como editora de conteúdo online e vive fazendo planos para a próxima viagem.
Natalie Soares
Siga-me no

Últimos posts por Natalie Soares (veja todos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *