Compartilhe
0

Colônia do Sacramento

O Uruguai foi nossa primeira parada internacional após quase quinze dias viajando pelo sul do Brasil. Chegamos lá sem saber muitas coisas a respeito do que fazer e onde ir, e fomos surpreendidos por uma população simpática, um clima agradável e belas cidades, como Colônia do Sacramento. Apesar de Punta del Este ainda ser o principal destino para os brasileiros, ainda mais para os que procuram badalação, Colônia vai na linha contrária, e traz sossego, história e lindos cenários.

Você pode conhecer Colônia saindo de balsa da Argentina ou em duas horas de carro de Montevidéu. (Crédito: Viajo Logo Existo)

Você pode conhecer Colônia saindo de balsa da Argentina ou em duas horas de carro de Montevidéu. (Crédito: Viajo Logo Existo)

Para quem nunca ouviu falar, Colônia do Sacramento fica no extremo sul do país e pode ser visitada por quem está em Buenos Aires, na Argentina, também – existe serviço de lanchas e balsas que saem diariamente de lá para a cidade no Uruguai. Para quem está em Montevidéu, Colônia fica a duas horas de carro, sendo possível fazer uma viagem de um ou dois dias para lá. As estradas do país são razoáveis e o trânsito é quase inexistente.

A cidade foi cercada por muros pelos colonizadores portugueses no século XVIII. (Crédito: Viajo Logo Existo)

A cidade foi cercada por muros pelos colonizadores portugueses no século XVIII. (Crédito: Viajo Logo Existo)

Colônia do Sacramento é uma cidade para ver sem pressa, a pé e, de preferência, em uma dia ensolarado, onde tudo ganhará um lindo tom amarelado. Seu centro histórico, eleito patrimônio da humanidade pela Unesco (devido à sua arquitetura que mistura sinais da colonização dupla, portuguesa e espanhola), é onde você encontrará o que fazer. No século XVIII, os portugueses muraram a cidade e, hoje, boa parte do turismo acontece dentro dos muros. Por lá, existem diversos restaurantes que oferecem mesas nas calçadas, ótima comida e preço justo. Dentro dos muros, não deixe de ir à Rua dos Suspiros, cartão postal da cidade, toda pavimentada com pedras e cheia de casas antigas portuguesas. De lá, você pode visitar o farol da cidade e ter uma linda visão panorâmica da cidade e do Rio da Prata.

Imagine-se curtindo um final de tarde em uma mesinha na calçada à beira do Rio da Prata... (Crédito: Viajo Logo Existo)

Imagine-se curtindo um final de tarde em uma mesinha na calçada à beira do Rio da Prata… (Crédito: Viajo Logo Existo)

Um passeio interessante na cidade é o Museu Português, que mantêm paredes, teto e piso originais, e onde é possível entender um pouco sobre quando os portugueses estavam por aqui.

Na cena gastronômica, não se esqueça de que o Uruguai também tem ótimos cortes de carne, assim como sua vizinha, Argentina. Um prato clássico por lá é o chivito, um sanduíche de carne – então, se vê-lo no cardápio, pode ir sem medo. De sobremesa, experimente o lapataia, doce de leite local que, para muitos, é o melhor de todos.

Você não vai se esquecer nunca mais do espetacular pôr do sol em Colônia. (Crédito: Viajo Logo Existo)

Você não vai se esquecer nunca mais do espetacular pôr do sol em Colônia. (Crédito: Viajo Logo Existo)

Aproveite para se perder pelas ruas e aproveitar o pôr do sol em algum canto da cidade. É um momento maravilhoso em que a estrela maior enche tudo com lindos tons de vermelho!

Compartilhe
0
Viajo Logo Existo
Siga-nos no

Viajo Logo Existo

Rachel e Leonardo estão em uma jornada de volta ao mundo! A viagem começou em maio de 2013 e, após um ano na América, estão desbravando o velho continente. Nos próximos dois anos, ainda terão muita história contar com África e Ásia, até completarem sua jornada na Austrália. Saiba mais sobre a história do casal no blog Viajo Logo Existo.
Viajo Logo Existo
Siga-nos no

Últimos posts por Viajo Logo Existo (veja todos)