8 novos bares em São Paulo que você precisa ir

Sejam novidades ou casas já estabelecidas, São Paulo tem uma variedade quase enlouquecedora de bares. Abaixo vai minha pequena lista de locais que estão no auge e valem muito ser visitados. Tem lugar pra comer bem demais, pra beber chope artesanal, para curtir um belo lámen, para se acabar em ótimos drinques…

Casa do Porco

O bar mais badalado de São Paulo, com horas de filas de espera. A casa do chef Jefferson Rueda tem vasto cardápio baseado em… porco, claro. Instalado perto do Bar da Onça (de sua mulher), tem uma das cozinhas mais interessantes da cidade, não só em sentido metafórico: dentro dela existem dois fornos a lenha no qual porcos desossados são assados inteiros (cerca de dois ao dia) e, após oito horas, se transformam no carro-chefe da casa, o Porco San Zé. De pele inacreditavelmente vitrificada e carne úmida, vem acompanhado por tutu de feijão, tartar de banana, couve e farofa (R$ 42 por pessoa).

Rua Araújo, 124, Centro. São Paulo, (11) 3258-2578

xxxxx

Porco, muito porco nos pratos da Casa do Porco, uma opção imperdível em São Paulo

Cateto Pinheiros

Nascido na Mooca, o bar com ar de saloon abriu filial em Pinheiros no final de 2015. Maior, mais variada e com cardápio repleto de exclusividades, a unidade Cateto Pinheiros continua focando em porções de bons frios e queijos de pequenos produtores brasileiros, assim como dezenas de rótulos de cervejarias artesanais. Não perca o casamento da picância com o dulçor das bruschettas de sobrasada (embutido de porco temperado com páprica doce e picante), figo e queijo pernambucano Flor de Mandacarú (R$ 38). Cremosão, com casca de fungo branco, lembra o brie.

Rua Francisco Leitão , 272, Pinheiros. São Paulo, 3063-5191

xxxxx

Bruschettas de sobrasada, um embutido de porco temperado com páprica doce e picante, com figo e queijo pernambuco Flor de Mandacarú

Forquilha

Com cardápio bem italiano – inclusive opções no forno à lenha – a casa acaba de ganhar novo e talento chef, o italiano Antonio Maiolica. Maiolica trouxe maturidade e certo refinamento ao Forquilha. Sanduíches, tartares, bolinhos e milanesas (itens bastante comuns em tudo quanto é canto), saíram de cena para dar lugar a cardápio mais conciso, com sugestões diárias do chef, várias delas autorais e com utilização de ingredientes sazonais. Prove o incrível Tagliatelle com ragu de ossobuco e zabaione de tutano (R$ 55)

Rua Vupabussu, 347, Pinheiros. São Paulo, 2371-7981

xxxxxx

Tagliatelle com ragu de ossobuco e zabaione de tutano

Choperia São Paulo

Novinho, novinho. O bar vende apenas chopes de cervejarias paulistas como Júpiter, Urbana, Leuven e Landel  – são cerca de 20 sugestões, com inclusões diárias. O cardápio, que conta com muitas sugestões vegetarianas, é bem brasileiro. Coma, com gosto, a porção de cremosos bolinhos de rabada.

Rua dos Pinheiros, 315, Pinheiros, São Paulo, tel. 33605101

xxxxx

Bolinhos cremosos de rabada 

Tan Tan Noodle Bar

Filas, filas e filas, todos os dias: assim é o pequeno endereço do chef Thiago Bañares. Se for encarar o filão, aproveite para tomar os bem feitos drinques da casa como o leveHakuna Matata (rum, fernet, mel e limão, R$ 18) e o refrescante e equilibrado Gin e Tonic Tea (gin, tonica, chá branco, hortelã e grapefruit). Na seção principal, as massas dividem-se em noodles (sem caldo) e ramens (com caldo). O ramen mais tradicional é o Shoyu: o macarrão vem mergulhado em sedoso caldo base de galinha caipira, acompanhado por shoyu, lombo, ovo, cebolinha, alga nori e naruto, pasta de peixe cozida no vapor e cortada em fatias, R$ 32.

Rua Fradique Coutinho, 153, Pinheiros. São Paulo, 2373-3587

xxxx

Ramen tradicional do Tan Tan

Apotecário

Lindo projeto de coquetelaria da jornalista Neli Pereira, funciona no andar inferior de sua casa – e estúdio de seu marido, artista plástico – na Bela Vista e abre apenas uma vez por semana. Para entrar, é necessário reservar por telefone (3105-5171) ou pela página no facebook.

Entre os bons drinques preparados por ela, o Swizzle Apotecário (gin Tanqueray, manjericão fresco, laranja, limão Tahiti, gengibre, Bitter e noz moscada) e o  Last Word (Chartreuse, Tanqueray, Luxardo e limão).

xxxxx

O lindo drink Swizzle Apotecário

Frank

Comandado pelo bartender Spencer Jr., um dos melhores do país, o Frank virou um templo para quem curte coquetelaria de qualidade. Aberto no térreo do decadente Hotel Maksoud Plaza, o Frank – homenagem ao cantor Frank Sinatra – tem ambiente sui generis por conseguir trazer um ar verdadeiramente retrô ao que, por muitos, poderia ser considerado apenas velho. Confortáveis cadeiras baixas de couro, madeira escura, luz baixa, banda instrumental tocando jazz ao vivo no hall: esses elementos conseguem juntar-se de maneira a levar o cliente a uma outra época, a uma certa calma.

Recomendo vivamente o que se tornou um dos meus coquetéis favoritos, El Grito de Dolores (R$ 33): Tequila 3 Generaciones, infusão de folha de limão kafir, redução de aceto balsâmico com morangos,Briottet, creme de cassis.

Alameda Campinas, 150, Hotel Maksoud Plaza, Jardim Paulista. São Paulo, 3145 8000

xxx

O drink El grito de Dolores para acompanhar a boa música da banda de jazz 

Camden House

A cozinha da chef Elisa Hill é o trunfo deste pub gastronômico. Elisa trabalhou com Erick Jacquin no começo dos anos 2000; depois foi para França e Londres, cidade na qual morou entre 2002 e 2013. De volta a São Paulo, usou sua experiência com a gastronomia inglesa para montar o menu do Camden House, que traz clássicos como fish and Chips com molho tártaro da casa. Não perca o Croquete de rabada cozida em cerveja stout acompanhado por molho barbecue artesanal (R$ 37, 6 unidades grandes).

Rua Manuel Guedes, 243, Itaim Bibi. São Paulo,  2369-0488

xxx

Ambiente charmoso para o pub que serve além de drinks, excelente comida

Ailin Aleixo

Ailin Aleixo

Autora chez Viajando - Expedia Brasil
Ailin Aleixo é jornalista e há 15 anos escreve sobre gastronomia. Já foi editora de revistas como Viagem e Turismo, Época e VIP. Há seis anos criou um dos maiores sites de gastronomia e turismo gastronômico do país, o Gastrolândia.
Ailin Aleixo

Últimos posts por Ailin Aleixo (veja todos)